Catedral da Sé: um dos maiores templos neogóticos do mundo

A Catedral da Sé, oficialmente denominada Catedral Metropolitana Nossa Senhora da Conceição e São Paulo, começou a ser pensada como instituição em 1589, mas seu prédio atual só foi inaugurado em 1954. O curioso é que em pleno século 20, quando a arquitetura era tomada por vários movimentos inovadores, inclusive Leia mais… »

Copacabana: o berço da Bossa Nova

Não se pode dizer que Copacabana foi o único bairro carioca que serviu de cenário aos primeiros acordes da Bossa Nova, mas foi essa famosa praia da zona Sul do Rio de Janeiro que ficou conhecida como berço do movimento. Nela concentraram-se os dois maiores pontos de encontro daqueles músicos Leia mais… »

Casa de Dona Yayá: lugar de memória das questões de gênero e de saúde mental

As versões sobre a vida de Sebastiana de Mello Freire –  personagem que empresta seu apelido à Casa de Dona Yayá – são bastante divergentes. Para alguns, ela foi uma moça tímida, caseira e religiosa que, apesar de não ter se casado, vivenciou a maternidade ao criar duas meninas – Leia mais… »

Réveillon de Copacabana: de ato religioso a mega evento

Hoje em dia, o célebre Réveillon de Copacabana é uma festa de projeção internacional, oficialmente organizada pela Riotur – empresa da Prefeitura do Rio de Janeiro – e considerada um dos eventos mais importantes do calendário turístico da Cidade Maravilhosa, comparável apenas ao famosíssimo Carnaval. Mas nem sempre foi assim. Leia mais… »

Bonecas do Jequitinhonha: a arte que brota da terra seca

Quando teve início, décadas atrás, o artesanato em argila que resultou nas Bonecas do Jequitinhonha era um mero ganha pão – o meio encontrado pelas mulheres locais para sustentar os filhos enquanto seus maridos, sem trabalho por causa da seca, tentavam a sorte em São Paulo. Essas mulheres eram conhecidas Leia mais… »

Museu da Imigração: os ecos de uma hospedaria

O nome é bastante genérico, mas o Museu da Imigração foi concebido com o propósito específico de contar a história das pessoas que chegaram a São Paulo para trabalhar nas plantações de café e tiveram como primeira moradia a antiga Hospedaria de Imigrantes, ou Hospedaria do Brás, instalada no prédio Leia mais… »

Prédio do CCBB SP: reflexo da história da cidade

O Centro Cultural Banco do Brasil, mais conhecido pela sigla CCBB, é uma das instituições mais importantes de sua área no Brasil – com unidades em São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Brasília -, mas seu diferencial em relação a outras espaços de semelhante nível de programação e Leia mais… »

Cais do Valongo: a antessala do inferno

Durante o fim do século 18 e o começo do século 19, o Cais do Valongo, no Centro do Rio de Janeiro, foi a porta de entrada de aproximadamente um milhão de africanos trazidos à força de seu continente para trabalhar na condição de escravizados. Em apenas 40 anos, recebeu Leia mais… »

Tava ou Casa de Transformação: o Museu das Culturas Indígenas

Para início de conversa, o Museu das Culturas Indígenas, localizado no bairro de Água Branca, em São Paulo, não foi batizado apenas na língua do colonizador. Os povos ali representados o chamaram de Tava, palavra Guarani que significa Casa de Transformação. O nome não está na denominação oficial – como Leia mais… »

Edifício Altino Arantes: ícone do Centro de São Paulo

Historicamente conhecido como Prédio do Banespa – o antigo banco estatal de São Paulo -, e rebatizado como Farol Santander depois da aquisição pela empresa espanhola, o Edifício Altino Arantes é um dos primeiros arranha-céus de São Paulo e durante quase duas décadas ocupou a posição de prédio mais alto Leia mais… »