Prédio do CCBB SP: reflexo da história da cidade

O Centro Cultural Banco do Brasil, mais conhecido pela sigla CCBB, é uma das instituições mais importantes de sua área no Brasil – com unidades em São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Brasília -, mas seu diferencial em relação a outras espaços de semelhante nível de programação e Leia mais… »

Cais do Valongo: a antessala do inferno

Durante o fim do século 18 e o começo do século 19, o Cais do Valongo, no Centro do Rio de Janeiro, foi a porta de entrada de aproximadamente um milhão de africanos trazidos à força de seu continente para trabalhar na condição de escravizados. Em apenas 40 anos, recebeu Leia mais… »

Tava ou Casa de Transformação: o Museu das Culturas Indígenas

Para início de conversa, o Museu das Culturas Indígenas, localizado no bairro de Água Branca, em São Paulo, não foi batizado apenas na língua do colonizador. Os povos ali representados o chamaram de Tava, palavra Guarani que significa Casa de Transformação. O nome não está na denominação oficial – como Leia mais… »

Sitio do Mocó: da extração de borracha ao turismo arqueológico

Pouco se sabe sobre a história do Sítio do Mocó – um pequeno povoado do município de Coronel José Dias, no Sudeste do Piauí, que fica ao lado do Parque Nacional Serra da Capivara, onde se encontra uma das maiores concentrações de arte rupestre do mundo. Mas apesar da dificuldade Leia mais… »

Edifício Altino Arantes: ícone do Centro de São Paulo

Historicamente conhecido como Prédio do Banespa – o antigo banco estatal de São Paulo -, e rebatizado como Farol Santander depois da aquisição pela empresa espanhola, o Edifício Altino Arantes é um dos primeiros arranha-céus de São Paulo e durante quase duas décadas ocupou a posição de prédio mais alto Leia mais… »

Cerâmica Serra da Capivara: um negócio socioambiental

Quem compra uma peça da Cerâmica Serra da Capivara em uma loja urbana ou mesmo lá no sertão do Piauí, não imagina o que está por trás de toda aquela beleza. A empresa é fruto do trabalho socioambiental de uma equipe liderada pela arqueóloga Niéde Guidon – que atua há Leia mais… »

Museu do Homem Americano: uma visão brasileira da pré-história

Até pouco tempo atrás, acreditava-se, com base na chamada Teoria de Clovis, que o povoamento da América começou há cerca de 15 mil anos, quando grupos asiáticos teriam saído da Sibéria, na Ásia, e atravessado a Beríngia – hoje coberta pelo Estreito de Bhering – para chegar ao Alaska, na Leia mais… »

Museu da Natureza: um retrato da espiral da vida

A espiral é um dos símbolos mais usados quando se quer fazer uma representação material do movimento e da evolução do universo. Provavelmente por isso, foi a imagem escolhida pela arquiteta Elizabete Buco para dar forma ao prédio do Museu da Natureza, na Serra da Capivara, Sudeste do Piauí. Segundo Leia mais… »

Dança de São Gonçalo: entre o profano e o sagrado

Conta a lenda que o frei Gonçalo – um dominicano que viveu no século 13, em Amarante, em Portugal – foi, em sua juventude, um alegre violeiro que passava noites tocando e dançando com as prostitutas. A intenção, segundo se conta, era distraí-las com o fim de que, pelo menos Leia mais… »

Joias de coco e ouro: uma tradição do Jequitinhonha

Contavam os mais antigos que toda menina nascida no Vale do Jequitinhonha ganhava um brinco de coco e ouro. Atualmente, essa tradição não é mais seguida e são poucas as mulheres da região que ainda têm conhecimento de sua existência. Mas se o hábito de presentear as recém-nascidas ficou perdido Leia mais… »